“Tenho 13 anos e nenhum dos meus amigos usa o Facebook”

Um fenômeno aparentemente inusitado foi noticiado recentemente em diferentes veículos de comunicação.  Uma adolescente que reside em Nova York chamada Ruby Karp, publicou um texto intitulado “Tenho 13 anos e nenhum dos meus amigos usa o Facebook” que causou bastante interesse aos usuários da tão famosa rede social.

De acordo com Ruby Krap, atualmente os adolescentes resolveram migrar para outras redes sociais por perceberem que os pais e outros familiares começaram a serem usuários do Facebook.  Em seu relato, a adolescente afirma que percebeu que a rede perdeu a graça porque “é inútil se você não tem amigos lá. Meu único amigo no site é, tipo, minha avó”.

É possível perceber, a partir do relato apresentado, que a necessidade do adolescente de estar entre pares e, em determinados momentos, distantes dos familiares, é um processo natural desta fase de desenvolvimento. Compartilhar experiências, relacionamentos, fotos dos eventos que participam e interesses em comum, se tornou algo inerente às redes sociais para este público. Com isso, ao perceberem que um destes ambientes começou a ser freqüentado pelos pais, os adolescentes buscaram estratégias para manter o seu próprio espaço, sem a supervisão dos adultos. Dessa forma, é possível perceber que os conflitos entre pais e filhos sobre a necessidade de privacidade permanecem, independente do surgimento das novas tecnologias.

Bianca Orrico

É psicóloga, graduada pela Universidade Salvador. Atua na Safernet Brasil em um canal gratuito que oferece orientação para esclarecer dúvidas, ensinar formas seguras de uso da Internet e também orientar crianças e adolescentes e/ou seus próximos que vivenciaram situações de violência on-line. Tem experiência em acompanhamento de crianças e adolescentes em situação de risco e vulnerabilidade social. Realizou pesquisas sobre adolescentes, redes sociais e tribos urbanas.

More Posts

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.