Sobre o GITS 2015 (ou: o que andamos fazendo por aqui)

Antes que alguém faça a velha piada, juro que não é por sermos um grupo de pesquisa baiano que apenas agora demos início aos trabalhos de 2015. Pelo contrário. O ano está cheio de novidades e de muita correria para os pesquisadores do Grupo de Pesquisa em Interação, Tecnologias Digitais e Sociedade (GITS) – e só agora conseguimos um tempo para atualizar o blog e compartilhar nossas atividades.

A principal notícia é que tivemos um projeto de pesquisa aprovado pelo CNPq – o que guiará nossos estudos pelos próximos 3 anos. Intitulado “Usos e Apropriações de Dispositivos Comunicacionais Móveis nas Práticas Interacionais Cotidianas: um estudo com jovens universitários”, alguns de nossos objetivos consistem em: (1) Identificar quais são as preferências e os motivos de utilização dos usuários, bem como as finalidades de uso predominantes dos dispositivos comunicacionais móveis; (2) Apreender como os usuários manejam, a partir do uso cotidiano dos dispositivos comunicacionais móveis, as questões relacionadas ao controle e vigilância de práticas sociais; (3) Descrever como os usuários vivenciam os espaços híbridos de comunicação, através da incorporação de dispositivos comunicacionais móveis, e seus desdobramentos na percepção de espaços públicos e privados; (4) Identificar os procedimentos fáticos e reguladores, descritos pelos usuários, que promovem a sincronização interacional mediada pelos dispositivos comunicacionais móveis e (5) compreender a dinâmica de construção de práticas interacionais potencializadas pelos usos de dispositivos comunicacionais móveis.

E por conta dessa pesquisa guarda-chuva e de seu cronograma, mas também pelo interesse óbvio do grupo, começamos o ano de 2015 com leituras referentes ao conceito de interação, que nos é tão caro. Nesse momento, iniciamos a leitura coletiva da obra de John Thompson, “A mídia e a modernidade – uma teoria social da mídia”. Como de praxe, os fichamentos da obra serão postados aqui no nosso site.

Outra novidade é que estamos – temporariamente – sob nova direção: O coordenador do Gits, Professor José Carlos Ribeiro, encontra-se em Portugal, onde ficará até dezembro, por conta do pós-doc. Durante sua ausência, eu (Thais Miranda) e Rodrigo Nejm assumimos a coordenação do grupo, de modo que as atividades não fiquem comprometidas. Por conta desse contexto atípico, somado ao fato de que a maioria dos doutorandos do Gits está em reta final de tese, com prazos apertadíssimos, optamos pela não realização do SIMSOCIAL, em outubro de 2015. Mas já adiantamos que, no próximo ano, nosso evento pretende estar de volta, retomando seu espaço na agenda dos pesquisadores da área.

Por fim, mas não menos importante, comemoramos, já nesse ano, o doutoramento de dois de nossos pesquisadores, Vitor Braga e Mônica Paz – por quem torcemos por mais sucesso, ao longo de suas empreitadas acadêmicas. E o melhor mesmo é que os novos doutores permanecem no grupo, enriquecendo nossas atividades com suas contribuições. E que o ano continue assim, com trabalho e muita produção. Já é domingo de Páscoa – mas sempre é tempo de desejar um ótimo novo ano. Axé.

Thais Miranda

Thais Miranda é doutoranda em Comunicação e Cultura Contemporâneas (POSCOM/UFBA), com estágio doutoral na Université René Descartes, Paris V, Sorbonne (2013/2014) . É mestre em Administração (2010) e possui graduação em Comunicação Social (1999). Dedica-se à pesquisa sobre pornografia digital amadora e interações em ambientes digitais.

More Posts

Follow Me:
TwitterFacebook

One Comment

Deixe um comentário