Propostas de Educação Livre à Distância

Algumas universidades americanas tradicionais estão apostando que os cursos de acesso livre na internet irão revolucionar o ensino ao redor do mundo. Uma parceria sem fins lucrativos entre a MIT (Massassusets Institute of Tecnology) e Harvard anunciada hoje irá oferecer cursos a distância para 1 bilhão de pessoas em diferentes países. Cada instituição investiu 30 milhões de dólares na edX para que cursos de ponta de suas faculdades sejam oferecidos a qualquer um com acesso à internet.

Ainda que a plataforma online tenha um status inferior a experiência dos campus (estudantes online poderão obter diplomas de mestrado, mas não os diplomas tradicionais), o esforço das universidades revela uma perspectiva de abertura dessas instituições. No núcleo do programa está a crença de que a ótima educação disponível em MIT e Harvard poderá estar disponível – em um formato online – a todos que tiverem o comprometimento e desejo de encarar um curso online.

Outras iniciativas não-comerciais de instituições de ensino bem menos tradicionais também existem. A Khan Academy, por exemplo, é uma organização que oferece cursos educacionais de acesso livre. Eles aceitam trabalhadores voluntários que podem legendar as aulas em suas próprias línguas, ou podem se tornar dubladores das videoaulas. Atualmente há quase trezentas video-aulas legendadas em português como esta abaixo.

Fontes: ROSEN, Rebecca. Harvard and MIT Bring Their Courses to the Online Masses for Free. In: The Atlantic. Disponível em http://mashable.com/2012/05/02/edx/. Acesso em 03/05/2012

Lineu Oliveira

Licenciado em História (FFCH/UFBA), especialista em Relações Internacionais (EAD/UFBA) e mestrando pelo Programa de Comunicação e Cultura Contemporâneas (FACOM/UFBA). Desenvolvendo pesquisa sobre compartilhamento de filmes em comunidades privadas BitTorrent na linha de pesquisa em Cibercultura. Bolsista Capes e membro do GITS.

More Posts

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.